21 de nov de 2011

É SABIDO POR TODOS QUE A PALAVRA DITA, FALADA, FAZ MAIS DIFERENÇA DO QUE A PALAVRA ESCRITA. QUANDO VOCÊ FALA, O SOM DA SUA VOZ EXPRIME TODO O SEU SENTIMENTO E TUDO AQUILO QUE VOCÊ QUER PASSAR ESTÁ NO SEU TOM DE VOZ. QUANDO VOCÊ ESTÁ COM RAIVA O TOM DA VOZ DENUNCIA ISSO, QUANDO VOCÊ FALA CARINHOSAMENTE, É A MESMA COISA. A ESCRITA TAMBÉM É IMPORTANTE SEM DÚVIDA, MAS INFELIZMENTE, POR MAIS QUE VOCÊ ESCREVA CLARAMENTE, NEM SEMPRE TRADUZ O QUE VOCÊ QUER DIZER, POIS QUEM LÊ ACABA INTERPRETANDO A SEU MODO E NÃO A INTENÇÃO DA PESSOA  QUE ESCREVEU. É COMO UM LIVRO QUE VOCÊ LÊ E TEM A SUA INTERPRETAÇÃO, SE OUTRA PESSOA LER O MESMO LIVRO E VOCÊ PERGUNTAR A ELA, VAI VER QUE ELA ENTENDEU DE UMA OUTRA MANEIRA. MUITAS VEZES EU CHEGUEI A VER PESSOAS QUE AO LER UM TEXTO, ACHOU ERRONEAMENTE, QUE ESTÁVAMOS FALANDO DELA OU PARA ELA, E ACABOU SE OFENDENDO. FOI A INTERPRETAÇÃO QUE ELA FEZ AO LER O TEXTO QUE A FEZ ENTENDER TUDO ERRADO. TEM PESSOAS QUE CONSEGUEM PASSAR PARA O PAPEL TODA A CARGA DE SENTIMENTOS QUE ESTÁ SENTINDO...ESTES SÃO OS GRANDES ESCRITORES. DIGO ISSO PORQUE ESCREVER UM TEXTO MESMO QUE SEJA DANDO A SUA OPINIÃO SOBRE UM ASSUNTO É MUITO DIFÍCIL, MAS VOCÊ CONSEGUE PASSAR O QUE VOCÊ ESTÁ PENSANDO. AGORA IMAGINEM UMA PESSOA POR UM MOTIVO QUALQUER ESTÁ IMPOSSIBILITADA DE SE COMUNICAR, E PARA FAZÊ-LO TEM QUE SER ATRAVÉS DA ESCRITA. PARA COLOCAR NO PAPEL ALGO QUE ELA QUER DIZER SOBRE O QUE ESTÁ SENTINDO NO MOMENTO SEM PODER SE EXPRESSAR ORALMENTE, AÍ FICA MUITO MAIS DIFÍCIL. QUANDO ESTIVE EM SÃO PAULO, CONVERSANDO COM MEU CUNHADO ELE ME CONTOU QUE UMA AMIGA DELE TAMBÉM PASSOU POR UM DESSES MOMENTOS, FICOU UM MÊS SEM PODER FALAR E QUE QUANDO RECUPEROU A SUA VOZ, CONTOU O QUANTO FOI DIFÍCIL. ELA ESCREVIA ALGO E A PESSOA INTERPRETAVA COMO SE ELA ESTIVESSE RECLAMANDO, O QUE NÃO ERA VERDADE, E AÍ ELA TINHA QUE ESCREVER QUE NÃO ESTAVA RECLAMANDO. ELA CONTOU QUE NO COMEÇO TODOS SE PREOCUPAVAM COM ELA, FICAVAM NERVOSOS JUNTO COM ELA, ANSIOSOS PARA QUE ELA VOLTASSE AO NORMAL. COMO ISSO DEMOROU A ACONTECER AS PESSOAS A SUA VOLTA COMEÇARAM A AGIR COMO SE ELA NÃO ESTIVESSE SOFRENDO COM AQUELA SITUAÇÃO... COMEÇARAM A DIZER QUE ERA ELA QUE NÃO SE ESFORÇA PARA MELHORAR. ELA DISSE QUE FOI MUITO ESTRESSANTE. SEM CONTAR QUE TAMBÉM SOFREU PRECONCEITO. ANDEI FAZENDO UMA PESQUISA E DESCOBRI VÁRIOS RELATOS DE PESSOAS QUE FICARAM POR UM CERTO PERÍODO, COM ALGUM PROBLEMA DESSE TIPO. TODAS SEM EXCEÇÃO RELATARAM QUE SE SENTIRAM ANGUSTIADAS E ÀS VEZES SOLITÁRIAS, PORQUE VIVIAM AQUELES MOMENTOS, SEM SABER SE VOLTARIAM A FICAR “NORMAL”. PERCEBERAM TAMBÉM QUE AS PESSOAS AO SEU REDOR ACABAVAM FICANDO SEM PACIÊNCIA E ACABAVAM SE CANSANDO. OUTRAS RELATAVAM QUE MUITAS PESSOAS APROVEITAVAM O ESTADO QUE ELAS SE ENCONTRAVAM PARA DEBOCHAR, PARA NÃO DAR ATENÇÃO, PRINCIPALMENTE APROVEITAVAM PARA PROVOCAR UMA DISCUSSÃO, SABENDO QUE ELAS NÃO PODERIAM RESPONDER RAPIDAMENTE. E TODAS SOFRERAM PRECONCEITOS. FICO PENSANDO...O QUE LEVA UMA PESSOA A DESCRIMINAR PESSOAS PORTADORAS DE UMA DEFICIÊNCIA FÍSICA, SÃO PESSOAS COM MUITO MAIS SENSIBILIDADES QUE AS DITAS “NORMAIS”. O CEGO POR EXEMPLO, NÃO CONSEGUE VER AS CORES, A BELEZA DA NATUREZA, NÃO CONSEGUE VER SE ESTÃO SORRINDO PARA ELE OU RINDO DELE, MAS ELE CONSEGUE ENXERGAR ATRAVÉS DO TATO, UMA BELEZA MUITO MAIS DELICADA DAS COISAS, CONSEGUE OUVIR E COM ISSO SABER O REAL SENTIMENTO QUE AQUELE TOM DE VOZ ESTÁ QUERENDO LHE TRANSMITIR. AGORA QUEM ENXERGA, NEM APRECIA A BELEZA DAS CORES, DAS FLORES, DA NATUREZA OU ATÉ DO POR DO SOL, NÃO CONSEGUE PERCEBER O TOM DE VOZ DA PESSOA, O PEDIDO DE AJUDA MESMO QUE ELA DIGA QUE ESTÁ BEM. O SURDO, E O MUDO PRECISAM APRENDER A LINGUAGEM DOS SINAIS, PARA PODER SE COMUNICAR. QUANDO SABEM ESCREVER ATÉ USAM ESTE ARTIFÍCIO. O GAGO BEM ESSE ENTÃO... É SEMPRE RIDICULARIZADO. TODOS ELES SOFREM PRECONCEITOS. SÓ QUEM PASSA POR UM DESTES PROBLEMAS, NEM QUE SEJA POR UM TEMPO DETERMINADO, ACABA COMPREENDENDO MUITO MELHOR ESSAS DEFICIÊNCIAS E DANDO MUITO MAIS VALOR POR PODER FALAR, ENXERGAR E OUVIR. ESTAS PESSOAS TÊM SONHOS, TEM SENTIMENTOS, VONTADE DE PROGREDIR NA VIDA, MESMO TENDO SUAS LIMITAÇÕES. EU SEMPRE DIGO, TENTE SE COLOCAR NO LUGAR DE UM DELES, POR UNS DIAS, HORAS OU TALVEZ MINUTOS E SENTIRA NA PELE O QUE ELES SENTEM, AÍ ENTENDERÃO E DARÃO MUITO MAIS VALOR POR SEREM “NORMAIS”. ESSE TIPO DE PESSOAS, QUE AGEM DESSA MANEIRA PARA COM UM DEFICIENTE, MESMO QUE SEJA TEMPORÁRIO, DEVERIAM TER UM POUCO DE SENSIBILIDADE, SEREM MAIS HUMANAS E NÃO AGIR DESSA MANEIRA, POIS DEVERIAM SABER QUE CORREM O RISCO DE TAMBÉM UM DIA SOFRER ALGO PARECIDO, NINGUÉM ESTÁ LIVRE DISSO.

BJOSS SURTADINHOSS