19 de dez de 2011

PERDEMOS A SANIDADE?


IMAGEM

RESPONDENDO A UM DOS COMENTÁRIOS QUE A LUCI FEZ SOBRE O POST DE SÁBADO, CUJO ASSUNTO ERA SOBRE A VIOLÊNCIA CONTRA ANIMAIS, ONDE NO FINAL ELA DIZIA: “Aliás, ando procurando minha sanidade... Se achar, me avise, por favor!!!” RESPONDI: “SERÁ QUE NÓS É QUE PERDEMOS A SANIDADE? OU SERÁ QUE SOMOS UMA PEQUENA PORCENTAGEM DA POPULAÇÃO QUE AINDA A TEM?"

APÓS RESPONDER, FIQUEI PENSANDO NAS COISAS QUE EU ANDO LENDO NA NET E CHEGUEI A CONCLUSÃO QUE NÓS TEMOS SANIDADE SIM. POIS AINDA DISCORDAMOS DAS COISAS ERRADAS QUE ANDAM ACONTECENDO, NÃO DIZEMOS QUE É ASSIM MESMO E SEGUIMOS EM FRENTE, FICAMOS INDIGNADAS, BRAVAS, HORRORIZADAS...EM MUITA NOTÍCIA PUBLICADA NOS PORTAIS DA NET, ABAIXO DELAS TEM UM LUGAR PARA VOCÊ COMENTAR. FORAM DUAS AS NOTICIAS QUE ME CHAMARAM A ATENÇÃO AOS COMENTÁRIOS; UMA FOI A DO CACHORRO BRUTALMENTE ASSASSINADO POR UMA ENFERMEIRA ENLOUQUECIDA, SIM PORQUE ELA SÓ PODERIA ESTAR LOUCA PARA FAZER ISSO, AINDA MAIS NA FRENTE DE UMA CRIANÇA DE TRÊS ANOS. E A OUTRA ERA SOBRE UMA CENA DA NOVELA DAS OITO, QUE EU NÃO VEJO, ALIÁS NÃO VEJO MAIS NOVELA, SOBRE UM RAPAZ QUE FOI SE ENTREGAR NA DELEGACIA. A NOTÍCIA DA ENFERMEIRA REVOLTOU TODO MUNDO E COM RAZÃO, FORAM MUITO DURAS AS PALAVRAS A ELA REFERIDA, QUE NÃO DÁ PARA COLOCAR AQUI. ALGUÉM FEZ EM POUCO TEMPO UMA PETIÇÃO E LANÇOU NO FACEBOOK E ONDE JÁ TINHA, ATÉ ONDE EU VI, 56 MIL ASSINATURAS PARA QUE O MINISTÉRIO PÚBLICO TOMASSE UMA PROVIDÊNCIA SOBRE O CASO. JÁ HÁ UMA MANIFESTAÇÃO DO CONSELHO TUTELAR PARA COM O CASO DELA, POR TER FEITO ESSA BARBARIDADE NA FRENTE DO FILHO DE TRÊS ANOS,  COM ISTO ELA PODERÁ PERDER A GUARDA DO FILHO. OS COMENTÁRIOS QUE EU LI FORAM TODOS DE INDIGNAÇÃO COM O OCORRIDO, ALGUNS AINDA LEMBRARAM QUE NESTE MÊS É O QUARTO OU QUINTO CASO DE VIOLÊNCIA CONTRA ANIMAIS. E QUE DEVERIA TER UMA LEI MAIS DURA PARA PUNIR ESSE TIPO DE GENTE. CONCORDO PLENAMENTE, QUE NENHUM ANIMAL DEVE SER MALTRATADO, E CONCORDO COM A INDIGNAÇÃO DO POVO, POIS TAMBÉM FIQUEI INDIGNADA. A OUTRA NOTICIA ERA DE UM JORNALISTA QUE ESTAVA COMENTANDO O FATO OCORRIDO NA NOVELA, ONDE UM RAPAZ APÓS SUA NAMORADA TER DESCOBERTO QUE ELE ANDAVA FAZENDO COISAS ILÍCITAS, ROMPEU O NAMORO E SÓ VOLTARIA COM ELE, CASO ELE SE ENTREGASSE à POLÍCIA E RESOLVESSE ESSA QUESTÃO. DEPOIS DE MUITO PENSAR E PORQUE AMAVA DEMAIS A MOÇA E NÃO QUERIA PERDÊ-LA, O RAPAZ RESOLVE IR À DELEGACIA E CONFESSAR SEUS CRIMES, O DELEGADO TOMA SEU DEPOIMENTO E O LIBERA, POR SER RÉU PRIMÁRIO ATÉ A CONCLUSÃO DO INQUÉRITO. ATÉ AÍ, DIZ O JORNALISTA QUE A LEI É ASSIM MESMO. O QUE O JORNALISTA ACHOU O CUMULO FOI O DIÁLOGO QUE SE SEGUIU ENTRE O RAPAZ E O DELEGADO. AO SER DISPENSADO PELO DELEGADO O RAPAZ FICOU INDIGNADO E RECLAMOU COM O MESMO QUE ELE DEVERIA PRENDÊ-LO, SENDO QUE ELE CONFESSOU UM CRIME E DEVERIA FICAR ATRÁS DAS GRADES. O JORNALISTA ACHOU O CÚMULO ESSE DIÁLOGO, DEBOCHOU MESMO DO AUTOR DA NOVELA. QUE ISSO NÃO É REAL. OS COMENTÁRIOS DOS LEITORES FORAM OS MAIS VARIÁVEIS POSSÍVEIS, DESDE OS QUE ACHARAM QUE FINALMENTE A NOVELA MOSTRAVA ALGUÉM QUERENDO SER E VIVER NA HONESTIDADE ATÉ AQUELES QUE ACHARAM RIDÍCULOS. MAS UM COMENTÁRIO ME CHAMOU A ATENÇÃO, ERA DE UM SENHOR, QUE DIZIA QUE NÓS ESTAMOS TÃO ACOSTUMADOS A SÓ VER NAS NOVELAS ULTIMAMENTE, COMO NA VIDA REAL, MUITA ROUBALHEIRA, CORRUPÇÃO, PESSOAS QUERENDO PASSAR POR CIMA DAS OUTRAS, PESSOAS QUE TEM ATITUDES ERRADAS SE DANDO BEM... QUE QUANDO APARECE UM PERSONAGEM QUE TENTA SE REDIMIR, VOLTAR A SER HONESTO TODO MUNDO FICA ACHANDO FORÇADO DEMAIS. DIZ ESSE SENHOR AINDA, QUE DEVERÍAMOS APLAUDIR O AUTOR POR TENTAR MOSTRAR OS VALORES CORRETOS DA SOCIEDADE, JÁ QUE OUTROS PERSONAGENS NÃO OS MOSTRAM. ESSES DEVERIAM SER OS VALORES ACENTUADOS NAS NOVELAS PARA QUE O POVO VOLTE ACREDITAR QUE É POSSÍVEL SIM SER HONESTO, LEAL, TER CARÁTER.
POR ISSO LUCI, COMO EU SEI QUE VOCÊ TAMBÉM PENSA ASSIM, É QUE TE DIGO: NÓS TEMOS SANIDADE SIM AINDA, PARA PROTESTAR CONTRA TODOS OS ABSURDOS QUE ESTAMOS VENDO ACONTECER ULTIMAMENTE. OU SERÁ QUE ESTAMOS FICANDO SEM SANIDADE, POR DEFENDER O QUE É CERTO DO ERRADO? EU VOU PENSAR E DEPOIS TE RESPONDO.