3 de ago de 2012

A BOFETADA DO ANO...


imagem


Brasileiro sempre teve mania de reclamar dos seus governantes. Reclamava dos administradores das Sesmarias e das Capitanias Hereditárias; dos governadores gerais e dos imperadores. Reclamava dos presidentes da Velha República e da República Velha, dos militares, de Sarney, de Collor, de Itamar, de FHC, de Lula... Não reclamaram de Tancredo Neves porque morreu antes da posse! Logo teremos novos prefeitos, novos vereadores...Ou os mesmos! Mas o povo vai continuar a reclamar.
Sabe por quê? Porque o problema não está nos deputados, senadores, presidente, governador, prefeito, funcionário... O problema está naquele que reclama: você e eu; nós!
O problema está no brasileiro
Afinal, o que se poderia esperar de um povo que sempre dá um jeitinho? Um povo que valoriza o esperto e não o sábio? Um povo que aplaude o vencedor do Big Brother, mas não sabe o nome de uma escritora brasileira? Um povo que admira o pobre que fica rico da noite para o dia? Ri quando consegue puxar tv a cabo do vizinho? O que esperar de um povo que não sabe o que é pontualidade? Joga lixo na rua e reclama pela sujeira? O que esperar de um povo que não valoriza a leitura. O que esperar de um povo que finge dormir quando um idoso entra no ônibus? Prioriza o carro ao pedestre? O que dizer de um povo que reclama pra receber do governo livro didático gratuito para o filho(a) e não vê que esse aluno (a) deixa os livros todos os  dias em casa e vai para a escola perturbar a aula e prejudicar os que querem realmente estudar e aprender? O problema do Brasil não são os políticos; são os brasileiros!
Os políticos não se elegeram; fomos nós que votamos neles. Político não faz concurso, ganha votos: o seu e o meu! Pense Nisso!
(Recebido por e-mail, desconheço a autoria)

 EU ESTOU PENSANDO MUITO BEM.
BJOSS SURTADINHOSS