3 de nov de 2010

POVINHO SEM NOÇÃO....


Tem sido cada vez mais comum relatos de crueldade cometidas contra animais. Sabe-se que grandes corporações fazem o diabo para conseguir dinheiro: destruir a natureza ou maltratar animais em laboratórios não são nada, diante do progresso!
Concordo com isso? Não...mas ainda existem grupos tipo o Greenpeace e outros semelhantes que tem evitado alguns males maiores...
Agora como ficar sentada, olhando o mundo por lentes cor-de-rosa, reclamando da vida, da unha quebrada, do nariz escorrendo, de dores imaginárias, ou qualquer outra coisa fútil que possamos imaginar, quando cada vez mais animais domésticos são maltratados, queimados vivos, mutilados e surrados até a morte?
Não sei sobre a cidade onde vocês moram, mas aqui em Florianópolis, me parece ser a terra dos maus tratos aos animais....
Fico abismada com isso, vivo há muitos anos aqui, e como todos sabem existe um folguedo popular e cultural chamado farra do boi, que foi considerado ilegal, pois machuca e MATA os animais... Logo que vim morar não era proibido, mas as pessoas de fora lutavam contra a atividade, os nascidos aqui diziam para não se meterem porque era uma questão cultural e como represália, naquela época, porque não deixaram o povo perseguir o boi (sim, a farra consiste em perseguir um boi castrado até a morte...), alguns cidadãos pegaram um cavalo e cortaram a musculatura das 4 patas do animal!
Resumindo, o cavalo não podia ficar de pé e estava se esvaindo em sangue... sua morte seria lenta e dolorosa... um outro cidadão indignado com o que via, foi em casa pegou um revólver e deu um tiro na cabeça do animal. No dia seguinte saiu manchete em jornal escandalizado com a atitude: “Gaúcho mata cavalo a tiros”...
Depois tive de ficar ouvindo, que não era o povo gaúcho que prezava tanto o cavalo? Como pôde fazer isso? Mas a origem do estado do animal, todos providencialmente, esqueciam... O tempo passou e cada vez mais coisas sobre isso eu ia lendo e, infelizmente, vendo.... Quantas noites penei, me incomodei por causa de cães abandonados? Ouvi barbaridades de gente sem noção e sem coração... Na medida do possível, fui tentando ajudar os animais que apareciam na minha porta... até que eu cansei....
Cansei de gente desalmada, cansei de gente esperta, cansei de gente mau caráter... simplesmente, cansei!
Parei de ajudar, mas não fiquei desatenta das coisas que aconteciam... Ora era notícia de animais abandonados em rodovias expressas, sendo mortos quase que imediatamente por caminhões e carros velozes, ora eram cachorros surrados a ponto de perderem olfato e ficarem aleijados porque seus donos não os queriam mais...
cachorrinha vira-lata Pedra
Fora as notícias de envenenamento na calada da noite.... A notícia mais recente é de uma cachorrinha de rua que foi desfigurada e queimada viva.... seu nome é Pedra e é forte como uma rocha.... e, sim, ela continua viva... (matéria completa em http://www.clicrbs.com.br/diariocatarinense/jsp/default.jsp?uf=2&local=18&section=Geral&newsID=a3095571.xml )

Além da raiva incondicional que sinto por ser humana e não poder impedir que tais coisas ocorram, o fato mais alarmante é que não são apenas os adultos que estão fazendo isso .... são as crianças! Crianças!!!!!
Sei que as crianças não possuem o senso social, que são cruéis em suas inocentes verdades.... Mas exterminar, ou tentar exterminar, animais domésticos com requintes de crueldade, está muito longe da imagem de inocência que a infância invoca...
Essas e outras notícias escabrosas, são cada vez mais comuns nos noticiários locais e quase nada pode ser feito... porque cada vez mais nosso povo vem deixando a educação de lado e abraçando seu lado perverso e sem remorso...
Às vezes, tenho nojo de viver entre pessoas assim...

Sem comentários...
abraços
regina