1 de mar de 2011

FI-LO PORQUE QUI-LO..


NAN LAURINO



SOU DO TEMPO EM QUE AINDA SE RESPEITAVAM MUITO OS PAIS. TUDO BEM QUE NOS ROTULAM ATÉ HOJE DE “GERAÇÃO DO MEDO”, MAS BEM QUE CONSEGUIMOS MUITO MAIS REGALIAS DO QUE A GERAÇÃO DA MINHA MÃE. PENSO EU, QUE NÃO ERA MEDO, PODE SER QUE ATÉ TIVESSEMOS UM POUCO, MAS ERA PRINCIPALMENTE RESPEITO. CONSEGUIMOS O TÃO FAMOSO DIÁLOGO, ATÉ CERTO PONTO, POIS NÃO CONTESTÁVAMOS AGRESSIVAMENTE COMO FAZEM HOJE EM DIA E SIM ARGUMENTÁVAMOS, MAS QUANDO NOS DIZIAM NÃO, ERA NÃO E ACABOU. NUNCA ERA UM NÃO SEGUIDO DE UM SIM. O QUE HOJE EM DIA É MUITO COMUM ACONTECER, POIS ASSIM OS PAIS SE LIVRAM DAS MANHAS. CRESCEMOS VENDO O SACRÍFICIO QUE ELES FAZIAM PARA NOS DAR ESTUDOS, E DENTRO DO POSSÍVEL NÃO NOS DEIXAR FALTAR NADA E DÁVAMOS VALOR. NOSSOS PAIS NÃO NOS DEIXAVAM SOLTOS OU FAZÍAMOS O QUE BEM QUERÍAMOS, TÍNHAMOS LIBERDADE, MAS COMO DIZIA MINHA MÃE: LIBERDADE VIGIADA E SE ELA PERDESSE A CONFIANÇA EM NÓS, NÃO RECUPERARÍAMOS E LÁ SE IA A TAL LIBERDADE. SE QUISESSEMOS VIAJAR PARA ALGUM LUGAR COM PESSOAS QUE PARA ELES ERAM DESCONHECIDAS, NEM PENSAR. NÃO ERA O SUFICIENTE PARA ELES, QUE NÓS DISSÉSSEMOS QUE OS CONHECÍAMOS. COMO DIZIA MINHA MÃE: ELA TINHA QUE VIRAR COMADRE DA MÃE DOS NOSSOS AMIGOS, PARA DEPOIS QUEM SABE DEIXAR, O QUE NUNCA ACONTECIA. PARA NÃO DEIXAR A GENTE FRUSTRADA, ELA SEMPRE ARRUMAVA UM JEITO DE IR VIAJAR PARA ONDE NÓS QUERÍAMOS IR E CONVIDAVA A NOSSA TURMA TODA PARA IR JUNTO, ASSIM, ELA ESTAVA PRESENTE PARA TOMAR CONTA DO BANDO TODO. NUNCA ACHAMOS RUIM POR ISTO, NOS DIVERTÍAMOS MUITO MESMO ASSIM. ELA SEMPRE PREFERIU TRAZER NOSSOS AMIGOS PARA DENTRO DA NOSSA CASA, FAZIA LANCHES, ORGANIZAVA FESTAS COM PRÊMIOS DE MELHOR FANTASIA, A MAIS BEM VESTIDA(O), ENFIM SEMPRE COM A SUPERVISÃO DELA. NOSSOS AMIGOS ADORAVAM A COMPANHIA DELA E PASSARAM A CARREGÁ-LA PARA TUDO QUE É LADO ATÉ PARA OS BAILINHOS. BOA ÉPOCA ERA AQUELA.... APESAR DE NÃO TER TIDO TODAS AS REGALIAS QUE HOJE A JUVENTUDE TEM, FUI MUITO FELIZ NA MINHA JUVENTUDE, POIS FIZ AS COISAS NO TEMPO E NA IDADE CERTA, NÃO PULEI FASES. A MAIORIA DOS ADOLECENTES DA MINHA GERAÇÃO FOI CRIADA ASSIM. TIVERAM A MESMA EDUCAÇÃO E HOJE SÃO PAIS, ASSIM COMO EU, MAS NEM TODOS QUISERAM EDUCAR SEUS FILHOS, COMO FORAM EDUCADOS. CLARO OS TEMPOS SÃO OUTROS E ASSIM RESOLVERAM DAR TOTAL LIBERDADE AOS SEUS FILHOS DEIXANDO-OS FAZER O QUE BEM ENTENDESSEM E COM ISTO ACHARAM QUE ESTAVAM SENDO MELHORES DO QUE SEUS PAIS FORAM. SERÁ MESMO? POIS HOJE NENHUMA CRIANÇA OU ADOLESCENTE ACEITA UM NÃO, FAZEM O QUE QUEREM E COMO QUEREM, SEM PENSAR NAS CONSEQUÊNCIAS. PARA ELES O SACRIFÍCIO QUE SEUS PAIS FIZERAM OU AINDA FAZEM PARA DAR O CONFORTO E MELHORES ESCOLAS ETC, NÃO É O SUFICIENTE É OBRIGAÇÃO, POIS COMO ELES MESMOS DIZEM: NÃO PEDIRAM PARA NASCER. NÃO QUEREM SABER QUE SEUS PAIS PARTICIPEM JUNTO COM ELES, DE SEUS PASSEIOS, VIAGENS, DE SEU MUNDO, DA SUA VIDA ETC. QUEREM FAZER TUDO O QUE BEM ENTENDEREM, NÃO PENSAM NOS PERIGOS QUE ESTÃO CORRENDO. É POR ISTO QUE TODOS OS DIAS OS NOTÍCIARIOS ESTÃO REPLETOS DE NOTÍCIAS TRÁGICAS COM ADOLESCENTES. AÍ OS PAIS SE DESESPERAM, MAS PORQUE NÃO FORAM MAIS ENÉRGICOS NOS SEUS NÃO? ALGUNS, PORQUE NÃO DIZER A MAIORIA, ATÉ TENTAM SER, MAS HOJE OS FILHOS ESTÃO TÃO AGRESSIVOS, SEM EDUCAÇÃO, SÃO ARROGANTES, SE ACHAM OS DONOS DO MUNDO, SÓ ELES SABEM E ENTENDEM DE TUDO, NÃO RESPEITAM OS MAIS VELHOS, NÃO ARGUMENTAM E NÃO USAM O DIÁLOGO E PRINCIPALMENTE NÃO RESPEITAM SEUS PRÓPRIOS PAIS. MAS NA HORA QUE O CALO APERTA... AÍ LEMBRAM QUE TEM PAIS. SEMPRE DEIXO MUITO CLARO QUE NÃO PODEMOS NUNCA GENERALIZAR, EXISTEM MUITOS PAIS QUE AINDA CONSEGUE HOJE EM DIA, MANTER AS RÉDEAS, SEM QUE COM ISTO SEUS FILHOS SEJAM REVOLTADOS OU OS FAMOSOS REBELDES SEM CAUSA. SÃO PAIS PREOCUPADOS COM O BEM ESTAR DE SEUS FILHOS, LHES DANDO MUITO AMOR, ATENÇÃO, ENSINANDO QUE NEM TUDO O QUE QUEREM PODEM FAZER, QUE TEM QUE SE TER LIMITES, RESPEITO, ÉTICA, E PRINCIPALMENTE, MORAL, PARA SEREM ÓTIMAS PESSOAS. MAS ÀS VEZES MESMO TENDO TODO ESSE CUIDADO, NA CRIAÇÃO DOS NOSSOS FILHOS, ELES AINDA NOS JOGAM NA CARA QUE NUNCA FAZEMOS NADA PARA ELES. MAS UM DIA, ELES TERÃO FILHOS TAMBÉM E AÍ SABERÃO, COMO É TRISTE TER QUE OUVIR TUDO ISTO DE UM FILHO. (RO)



BEIJOS SURTADINHOS ROSANA